Publicidade
Publicidade
Publicidade

SAÚDE

Paciente identificado com "Fungo Negro" no Pará teria buscado atendimento em Palmas e Araguaína

11/06/21 16:37:32 | Atualizado em: 11/06/21 16:37:32

Um paciente de Conceição do Araguaia, no Pará, foi o quarto caso confirmado de mucormicose conhecido “Fungo Negro” pós-Covid-19, identificado no Brasil. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde do estado vizinho.

De acordo com informações, o idoso estaria internado em um hospital de São Paulo, mas antes disso, após sofrer uma piora no quadro de saúde, chegou a buscar atendimento hospitalar em Palmas e em Araguaína.

O Governo do Tocantins, por meio de nota, disse que não sabe em quais hospitais esse paciente buscou atendimento, pois seu nome não foi divulgado pelo Governo do Pará e destacou que nenhum caso de “Fungo Negro” foi identificado no estado.

Os outros três casos foram identificados em Fortaleza (CE), Natal (RN) e São Paulo.