Publicidade

ESTADO DO TOCANTINS

Escola Tocantinense do Sistema Único de Saúde oferta curso sobre Covid-19

08/04/21 15:40:04 | Atualizado em: 08/04/21 15:40:04

Devido à grande necessidade de profissionais capacitados para atuarem na linha de frente da Covid-19, a Escola Tocantinense do Sistema Único de Saúde Dr. Gismar Gomes (Etsus) está disponibilizando diversos cursos de Educação a Distância (EaD) para favorecer a capacitação dos profissionais de saúde no Estado. Um destes cursos é o Guia AMIB, da Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib), para Orientações no Manejo do paciente com Insuficiência Respiratória por Covid-19, desenvolvido pelo Comitê de Insuficiência Respiratória e Ventilação Mecânica da Entidade.

No total, são 25 aulas direcionadas aos profissionais da saúde com a finalidade de instruir e capacitar sobre o manejo do paciente diagnosticado com Covid-19. O objetivo é qualificar o profissional da saúde que está atuando na linha de frente da batalha contra a Covid-19.

O material foi desenvolvido por renomados médicos palestrantes e professores da Amib. No Guia, os profissionais de Saúde terão acesso a infográficos sobre oxigenioterapia, uso de Ventilação não invasiva, uso de cateter nasal, manejo de ventilação invasiva, monitorização da ventilação, retirada da ventilação mecânica no Paciente com Covid-19, dentre outros conteúdos como vídeos sobre o novo Coronavírus, orientação para intubação orotraqueal e demais informações pertinentes sobre o assunto.

O curso on-line conta com emissão de certificados e é completamente gratuito. A Amib também disponibiliza o acervo da entidade que reúne conteúdo do registro nacional de terapia intensiva, recomendações de departamentos e comitês da Amib, notas de esclarecimento e ações do grupo de força colaborativa.

Covid-19 On-line

A Amib também criou o projeto Covid-19 On-line, coordenado pelo doutor Afonso Celente, com médicos intensivistas associados experientes, com mais de 15 anos de atuação em UTI e mais de 60 anos de idade que foram convidados para dar o atendimento on-line aos médicos mais jovens, que estão na linha de frente da pandemia. O atendimento funciona completamente remoto e digital por meio de e-mail, mensagens de Whatsapp ou chamada eletrônica.