Publicidade
Publicidade

ESTADO

MPE se mostra favorável a cassação de prefeito e vice reeleitos em Silvanópolis

27/01/21 16:55:51 | Atualizado em: 27/01/21 16:55:51


O prefeito de Silvanópolis, Gernivon Pereira Rosa (PSD), e seu vice, Matheus Henrique Lemos (PTB), reeleitos nas eleições de 2020, são alvo de um processo que pede a cassação dos mandatos.

Os dois são alvo de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), proposta pela coligação “O Governo da oportunidade”, derrotada nas eleições. No processo, os dois são acusados de abuso de poder econômico após denuncias de doações, ilícitas, de cascalho, cestas básicas e até dinheiro em espécie.

O Promotor de Justiça Eleitoral Diego Nardo do Ministério Público Eleitoral deu parecer favorável à 3ª Zona Eleitoral do Tocantins quanto à procedência Aije. “Como há coincidência entre o gestor e o candidato, é natural que haja na população a ideia de que quem faz a doação é o “fulano”. Assim, temos que a distribuição gerou um desequilíbrio na eleição, e fora feita de maneira a associar as cestas ao candidato, uma vez que feita apenas em período eleitoral”, declarou o promotor Diego Nardo em seu parecer à Justiça.

A decisão do promotor se baseou nas informações colhidas durante a investigação, como é o caso de depoimentos de testemunhas, provas fotográficas, vídeos e "Print Secreen" de conversas no WhatsApp. (Erica Lima)