Publicidade

ESTADO

Governo sorteia casas para beneficiários do programa Pró-Moradia

Ao todo, o projeto prevê a construção de 654 casas

18/05/16 09:10 | Atualizado em: 18/05/16 09:10

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Habitação e Serviços Públicos (Seinf), realizou na tarde desta terça-feira, 17, o sorteio das unidades habitacionais do programa Pró-Moradia.

As 202 famílias pré-selecionadas conheceram os seus novos endereços em um evento que aconteceu no auditório do Quartel do Comando Geral da Polícia Militar. De acordo com o superintendente de Habitação, Jorge Mendes, o sorteio demonstra a lisura do Governo no desenvolvimento do processo de escolha dos beneficiários. “O processo é transparente, feito com acompanhamento da Caixa Econômica Federal e prova a seriedade da seleção”, disse.

Representantes de todas as famílias beneficiadas estavam no local. O vidraceiro Rogério Lopes, pai de quatro filhos, disse não ter palavras para expressar seu sentimento. “Eu morava de aluguel e há dois anos moro de favor, não existe coisa melhor que saber que vou para minha casa”, ressaltou ele.

A diretora de Habitação Social da Seinf, Tatiane Alves, explicou que as famílias passaram pelas etapas de apresentação de documentos, seleção, plantões sociais e agora tiveram a oportunidade de conhecer as regras do empreendimento. “Essa é a realização de um sonho, além do sorteio, nós também repassamos a eles explicações do que pode e o que não pode ser feito na unidade habitacional”, disse.

No meio de tanta gente, a auxiliar de serviços gerais, Marilene Pereira dos Santos, era destaque, ela mal segurava a ansiedade para conhecer seu novo endereço. “Eu estou até sem ar, foram 16 anos esperando minha casinha e, agora, eu e minha filha teremos um teto para morar”, disse ela. Marilene, que atualmente tem uma renda de pouco mais de um salário mínimo, disse já está organizando a mudança. “Eu vou mudar assim que receber a chave, será uma economia de R$ 550, um alívio no meu orçamento”, finalizou a beneficiada.

Ao todo, o projeto prevê a construção de 654 casas, sendo que 33 delas são adaptadas para pessoas com deficiência ou dificuldades de mobilidade.  A solenidade de entrega das chaves está prevista acontecer no dia 4 de junho. Essa é a segunda etapa do projeto que, em dezembro do ano passado, entregou 250 moradias no mesmo local. A previsão é que outras 202 fiquem prontas até o final do ano. O programa beneficia famílias com renda de até R$ 1,6 mil.