Publicidade

Saúde

Sisepe-TO quer que CGE faça auditoria e inspeção no Plansaúde

23/08/19 16:46:11 | Atualizado em: 23/08/19 16:46:11

O Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (Sisepe-TO) protocolou nessa quinta-feira, 22, um ofício junto a Controladoria Geral do Estado, no qual solicita que sejam adotadas as medidas necessárias para a realização de uma inspeção nas contas do Plansaúde, como também, uma auditoria nos últimos cinco anos na gestão do Funsaúde.

A solicitação é motivada pelas denúncias divulgadas nas redes sociais, com áudio de um médico relatando suposto esquema de corrupção no Plansaúde. O que o Sindicato quer agora é que a CGE se posicione sobre a demanda em cinco dias. 

De acordo com a entidade, foram enviados ofícios também à Assembleia Legislativa e ao Tribunal de Contas do Estado, que já tomaram medidas para apurar qualquer irregularidade na gestão do Funsaúde do Plansaúde. O Sindicato ainda protocolou uma representação no Ministério Público do Tocantins (MPTO).

“Enquanto representantes dos servidores públicos e membro do Conselho Fiscal, o Sisepe-TO tem adotado todas as medidas possíveis para garantir uma investigação séria das denúncias pontuadas pelo áudio, como também, temos procurado garantir o bom funcionamento do Plansaúde”, destaca o presidente da entidade, Cleiton Pinheiro.