Saúde

Procedimentos estéticos requerem cuidados redobrados, alerta dermatologista

30/11/18 15:36 | Atualizado em: 30/11/18 16:55

O verão brasileiro está chegando e junto com o sol, a praia e o calor começam a aparecer também as ofertas e pacotes com preços especiais e reduzidos para a realização de procedimentos com tecnologia ultra moderna e eficácia garantida. Porém, antes de se entregar as facilidades dos tratamentos, é preciso tomar alguns cuidados, alertam os médicos.

Segundo a dermatologista Raquel Amashta, o paciente precisa estar atento para a escolha dos procedimentos, o local e os profissionais responsáveis por realizarem o tratamento escolhido. A médica destaca que é preciso seguir algumas recomendações que não podem ser deixadas de lado.

Pesquisar os resultados, contraindicações do tratamento escolhido, as condições da clínica e a formação do profissional são imprescindíveis antes de começar.

"É importante que os profissionais sejam capacitados, que tenham formação. O paciente chega até nós cheio de dúvidas e precisamos sanar todas elas. Explicar como aquele tratamento funciona, quais os benefícios, as vantagens. Os resultados a curto, médio e pequeno prazo. Quem for fazer algum tratamento precisa pesquisar informações sobre a clínica escolhida e avaliar os profissionais que ali trabalham", explica.

Fazer uma visita ao consultório do médico ou na clínica onde realizará os procedimentos é indicado. "Quando se opta por um procedimento é porque há necessidade e junto com isso surgem muitas dúvidas sobre a eficácia do tratamento, se há dor, quais os cuidados devem se tomar antes, durante e depois do procedimento. Nessa época do verão é comum a procura por tratamentos anti-estrias, celulites, redução de medidas. Mas é importante as pessoas entenderem quando devem começar a fazer, os cuidados com a exposição ao sol, por exemplo", comenta a médica.

Segundo o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) os tratamentos estéticos não são um serviço qualquer e envolvem riscos a saúde. De acordo com as recomendações do Idec é importante não contratar um serviço estético por impulso, sem se certificar de sua segurança, e também de seus resultados.

Quem seguiu a riscas os cuidados indicados na hora de realizar um procedimento estético foi Jaqueline Monteiro, 21 anos. Sofrendo com acne que incomodava muito há anos, a jovem decidiu procurar auxílio de uma dermatologista para buscar uma solução definitiva para o problema.

"Hoje faço tratamento com Roacutan (remédio para espinhas). Estava com problemas relacionados a acnes que não acabavam nunca. Acredito que como a pele é o maior órgão do corpo humano e, assim como os demais, merece cuidados. Além de melhorar a autoestima, os cuidados previnem manchas, ressecamento, melhoram a qualidade do tecido, etc. É preciso ter parcimônia. Quando exageramos causamos mais malefícios do que benefícios ao corpo. Ou quando nossa felicidade depende apenas disso, a ponto de virar obsessão, é porque o limite foi ultrapassado", pontua.

Além do tratamento com a médica dermatologista, Jaqueline ainda tem cuidados especiais com a pele e não deixa de lado a hidratação e a fotoproteção. "O procedimento estético é uma ajuda extra. Mas além dele é preciso que o paciente tome alguns cuidados aliados ao tratamento como alimentação adequada, exercícios físicos e proteção da pele. Assim não tem como errar e a eficácia do tratamento vai ser ainda maior", finaliza a dermatologista.